devaneios

vida temporária

Sentada na sala da minha nova casa percebo como minha vida já é assustadoramente menos temporária.

Esta cidade, este trabalho, esta roupa, esta rotina, este frio. Tantas vezes falei e vivi com a frase “é temporário”.

Outros planos. Algo mais emocionante, algo mais animador virá. Outra vida.

O temporário é um band-aid na bolha do pé, que nos faz andar uns passos a mais, uns dias a mais. Ele até nos faz sentir melhor sobre onde estamos. Afinal tem algo maior e melhor mais adiante. Algo novo a nossa espera. Ele nos faz acreditar que as marés nos levam a um lugar ainda mais significativo. E as vezes realmente estamos neste trajeto.

Mas nem sempre o temporário é um mar sereno para se remar. Ter um fito e um intento é ter energia, mas o transitório impede a vida por inteiro. Anelos, sonhos e aspirações nos raptam do hoje. A mente no transitório é uma mente inquieta. Ela não investe. O coração hesita, agarrado na paixão. Tão somítico que a mente ausenta.

Com frequência me vi em situações de curta vivência, dias sem deter-se nas minúcias. Ou dias tão intensos com medo da perda, da efemeridade. A sede pelo novo destino. A dor de partir.

Nesta onda de transitórios, o permanente nunca chegou. E já parei de esperar que um dia ele ancore. É tempo de ser o que se é. Menos expectativas, menos urgência.  No conforto do hoje.

Por mais passageiro que seja o seu momento, esteja nele. Desfaça as malas. Investigue o bom da cidade, o bem das pessoas. Compre uma flor. Cultive diálogos. Invista tempo.

Se existe um plano para cada um de nós, talvez ele não seja aquele que ansiamos. De nada adianta querer saber onde o caminho nos leva se ainda não entendemos a nós mesmos.

Ainda que com toda a certeza que aquilo não durará, não deixe tudo aquilo passar desapercebido. Não apenas folheie os momentos. Leia –os. A beleza sempre esteve nas miudezas. Invista. Sempre há um retorno.

IMG_8293 v2

5 thoughts on “vida temporária

  1. Passando por isso e tentando viver o momento, mesmo sem saber até quando essa fase vai durar. texto lindo, teté. um beijo e um abraço apertado.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *


+ two = 11

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>