africa

sáfari no Parque Nacional Kruger – África do Sul

O que é o Kruger National Park?

O maior parque nacional da África do Sul e um dos maiores da África, com 20.000 km2. É um santuário de animais selvagens africanos, atraindo turistas para fazer safáris.

 

Porque ir

Pra imergir na vida selvagem africana, totalmente imprevisível, interminável e surpreendente.

Cada dia no Kruger é uma vida diferente, um novo cenário, uma nova surpresa, uma nova admiração, um novo prazer.

Ver animais vivendo no seu habitat natural não é apenas inacreditavelmente bonito, mas é também humilhante, no sentido de você, humano, sentir-se o estranho, o que está “invadindo” e tem que pedir licença. Ali o reino animal impera. Há de se respeitar, de se admirar, de se preservar.

Você vai ver de perto cenas que ficarão na sua memória pra sempre, como esta que me emocionou – a leoa e seu filhote brincando e se “chamegando”.

E esta mãe babuíno cuidando de um filhote de chimpanzé. Será que ela o adotou?

 

O que você encontra lá

Hipopótamos, girafas, zebras, leões, elefantes, búfalos, crocodilos, leopardos, guepardos, tartarugas, babuínos, hienas, impalas, gnus, javalis e outros animais podem ser observados em seu habitat natural.

Os mais famosos são os “big 5”, os cinco animais mais importantes, que são o elefante africano, o rinoceronte, o búfalo, o leopardo e o leão.

Todas as espécies são preservadas, mas o rinoceronte ainda sofre de caças ilegais pra venderem o chifre e por isso há um grande movimento pra preservá-lo.

 

Melhor época pra visitar

No outono/inverno, quando o mato está mais baixo e as árvores mais secas, podendo assim ver os animais com mais facilidade. Ou seja, de abril – julho.

 

Como chegar

O Kruger, apesar de estar situado na África do Sul, é mais perto de Moçambique.

Eu fui ao parque saindo de Maputo, que fica a 2 horas de carro. Saindo de Maputo, a depender da época pode ter filas grandes nas fronteiras, mas é, com certeza, mais perto do que sair das principais cidades da África do Sul.

De Johanesburgo são 425 km. De Durban são 750 km. De Cape Town são 1,800 km.

Você pode ir de carro ou com tours.

 

Ao chegar

Ao pagar a sua entrada, presta atenção nos quadros de aviso que dizem os animais encontrados e os locais aonde foram encontrados.

Você também pode seguir o twitter do Kruger que comunica por onde os animais estão passando. É bem útil.

Você só não vai ver dicas no twitter nem nos quadros de aviso aonde estão os rinocerontes, pois querem preservá-los dos ataques de caças ilegais pra venda de chifres.

Algumas regras:

Não pode sair do carro.

Não pode alimentar ou tocar nos animais.

Não pode entrar com bebida alcoólica (mas pode consumir nos hotéis e restaurantes).

 

Aonde ficar

O Kruger é imenso, do tamanho do estado de Sergipe, então você pode passar dias lá dentro.

Uma opções é fazer um bate volta, chegar cedo e só passar o dia, ou ficar hospedado na variedade de hotéis que tem la dentro.

Hotéis de luxo:

Os mais conhecidos são o Sabi Sabi e o Singita, a preços altíssimos – US$1.000 a diária.

Mas tem hotéis de todos os preços e até camping pra passar dias no Kruger, ou seja, acomodações pra todos os bolsos.

No site do parque tem opções de tours guiados com hotéis bem mais baratos.

 

Malária

A administração do Kruger diz que a maioria dos mosquitos do parque não carregam a malária, mas eles recomendam tomar os remédios de profilaxia contra a malária.

Como comentei em outro post, avalie os pros e contras de tomar o remédio.

O período de maior risco é de dezembro a abril, no período chuvoso.

Tem um telefone 24hs para casos de malária no parque: +27 (0)82 234 1800

Use repelente sempre.

 

Tarifas
Adultos estrangeiros: ZAR 204 ~ US$22

Se for passar o dia, o parque abre as 5h00 e fecha as 18h00.

 

Importante:

Pra viajar pra África do Sul ou Moçambique e ir até o Kruger, você tem que apresentar a carteira internacional de vacina de febre amarela.

7 thoughts on “sáfari no Parque Nacional Kruger – África do Sul

  1. Teté, sou sobrinha da aninha, acho que já fomos apresentadas, mas desde sempre acompanho suas andanças! Minha tia me encaminha seus posT! O blog está maravilhoSo e Você, pode ter certeza , está sempre realizando o sonho de muita gente! A visita aO KRuger parK é um dos meus! Obrigada por compartilhar de forma tão linda e amorosa! Beijos lela

  2. Té, lindas fotos e o post está maravilhoso, super útil! Estava querendo ir no carnaval de 2014 mas ja foi deixar para junho, com a sua dica! um beijão e estou amando sua viagem…te acompanhando pelo insta always! bjs :) PRI

  3. olÁ tete adorei seu blog! Irei em abril/ 2014 com marido E caSal de amigos. gostaria de saber se recomenda 2 ou 3 dias em lodge dentro do parque, estou pensando no naledi. oque sugere?

    • oi Margarete,
      Acho que 2 noites serão suficientes, fazendo 2 dias completos de safari. Acho legal ficar dentro do parque. Não conheço o Naledi, só o Singita que é maravilhoso.
      abraço

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *


9 − = six

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>