pousadas pra passar o dia em Trancoso, Bahia

pousadas para almoçar Trancoso Pousada Tangará bar da praia 2

Que o antigo vilarejo de Trancoso está na moda (já tem um tempinho), todo mundo sabe. No final do ano, então, as praias turquesas límpidas ficam abarrotadas com aqueles quem fogem das cidades e do trabalho. Trancoso é pra quem aprecia esta beleza natural e tem bolsos fundos. Os preços estão exorbitantes e tem muito glamour. Trancoso já se modificou, com lojas de grife e pousadas que apesar de rústicas valem uma nota a diária. Já disseram que é uma Ibiza, que é Saint Tropez nos anos 50, que é reduto de paulistas milionários. É tudo isso. E apesar de Continuar lendo…

Caraíva – uma praia linda e escondida na Bahia

Caraíva Bahia praia rio

Dizem que as praias mais secretas aqui no Brasil são desbravadas primeiro pelos “hipongas”, depois vem a aristocracia, depois os franceses (ou americanos?). E assim as praias vão mudando de ar, de astral, de estabelecimentos, de preços, de caráter. Não foi assim com Trancoso? A boa notícia é que ali bem pertinho de Trancoso, no sul da Bahia, tem uma praia que AINDA está na fase dos meio hippies, meio desapegados, desencanados… E esta praia chama-se Caraíva. Em Caraíva não chega carro, muito menos avião. Só barquinho mesmo. Você estaciona o carro, paga pela travessia de canoa e pronto, chegou Continuar lendo…

roteiro cultural de Salvador, Bahia

DSC_0768-v2

Salvador tem uma cultura própria, enraizada no seu passado. Não há outro lugar no Brasil que vá tão a fundo na influência dos escravos africanos. É evidente na cor da pele, na cor da comida, no batido dos timbais, na tradição do candomblé, nas oferendas no mar. No meio deste sincretismo estão atrações culturais, passando pelos locais cantados, pintados, retratados e desfrutados por Caetano, Gil, Betânia, Gal, Caymmi,  Carybé, Pierre Verger… Este é o meu roteiro cultural de Salvador para você.   MAM – Museu de Arte Moderna Arte dentro de um contexto colonial com vista para o mar, com Continuar lendo…

onde comer em Salvador, Bahia

DSC_0870-v2

Nem só de vatapá, caruru e acarajé vive o cenário gastronômico baiano.  E o dendê e a pimenta podem até ser protagonistas, mas não onipresentes. Salvador oferece, cada vez mais, lugares interessantes para comer, beber e jogar conversa fora em ambientes bem gostosos com vistas bonitas. Sabe aquelas comidinhas que você não pode deixar de provar? Pronto, aqui vai uma lista de restaurantes, bares e cafés que você não pode deixar de experimentar quando for a Salvador.   Bares Boteco do França Em um beco no Rio Vermelho, viva a vida boêmia soteropolitana. O boteco do França não tem nada Continuar lendo…

Praia dos Livros – café, livraria e sebo em Salvador

DSC_0911-v2

Tem um lugar em Salvador que consegue unir sol, praia e literatura, é a Praia de Livros no Porto da Barra. Este lugar é uma mistura de café, livraria e sebo,  com música gostosa enquanto você garimpa livros e CDs. Quem diria que o Porto da Barra, ponto turístico de Salvador, onde tem uma praia lotada, teria este espaço cultural. Nesta livraria/sebo você pode assistira a pequenos shows com DJs, música ao vivo, dança flamenca ou saraus de poesia. Para comer, sanduíches, quiches, doces e claro, muito café. Preços: quiche R$6, expresso R$3. Praia dos Livros Av. 7 de Setembro, Continuar lendo…

Zank, um boutique hotel cheio de charme em Salvador

DSC_0615-v2

Se tem um hotel charmoso em Salvador, na Bahia, é o Zank. Este boutique hotel administrado por 3 irmãs de Cuiabá, radicas na capital baiana, reflete todo o cuidado e carinho que elas tem pelo seu negócio. O amor está nos detalhes, não é verdade? E este hotel é repleto de detalhes: no serviço, na decoração, nos ambientes… Abrigado em um casarão colonial, onde o charme já começa no chão onde você pisa, o estilo se revela uma combinação de clássico e contemporâneo. Os ambientes tem uma decoração agradável aos olhos, que não dá vontade nem de sair daquele pequeno Continuar lendo…

a palavra AXÉ

fitas-2

A palavra AXÉ tem uma interpretação míope, principalmente fora da Bahia. Axé não é só um gênero musical, é muito mais do que isso. . . Axé, em iorubá (idioma africano) significa energia, poder, força. No Candomblé, é a força do sobrenatural que nos guia. Por alguns é a palavra usada para o terreiro, o Ilê Axé ou Casa de Axé onde os rituais são praticados. Na capoeira, o axé é energia que faz uma roda alegre, com espírito elevado, lutando com jogo, com fair play. Pela arte marcial, pela dança, nunca pela violência. Mas axé também é uma saudação, desejando ao Continuar lendo…

um dia na Praia do Forte – Bahia

img_1354

Eu não gosto muito das praias de Salvador, prefiro as que estão nos arredores, mais ao norte. E acho que em Salvador faltam locais para comer e beber com vista para o mar. Atualmente, morando em Floripa, estou mal acostumada. No início da Linha Verde, na Costa dos Coqueiros, cerca de 80 km ao norte de Salvador, está a famosa Praia do Forte, que é conhecida pelo Projeto Tamar do IBAMA que preserva as tartarugas marinhas. Simples e charmosa, a Praia do Forte é um lugar que adoro passar o dia e já conquistou turistas, estrangeiros e até noivas. Gosto da Continuar lendo…

bar hopping no Litoral Norte da Bahia

dsc_0830

Apesar de ser uma cidade encantadora, Salvador não tem praias tão bonitas. É preciso subir pelo Litoral Norte para ver os recantos mais gostosos. Por isso, decidimos comer um negocinho aqui, tomar uma cervejinha ali, em várias praias nos municípios vizinhos. Saímos de Lauro de Freitas e fomos para Arembepe. O restaurante que indico em Arembepe é o Mar Aberto. O cardápio tem todas as delícias baianas da terra e do mar, da carne seca, à lambreta, ao siri mole e claro, as famosas muquecas. E tem mesas do lado de fora, de frente para o mar. De la fomos Continuar lendo…

em busca do acarajé perfeito

acaraje

O lado bom de não morar mais em Salvador é estar livre da tentação do acarajé. Quando sinto aquele cheiro, é impossível resistir. Em uma visita à terra da alegria, me envolvi numa espécie de pesquisa degustativa de acarajé em diferentes pontos da cidade a fim de concluir qual é o melhor acarajé de Salvador. Para muitos residentes da cidade, a resposta é simples, objetiva e automática. Para outros, é mais longa, cheia de variáveis e múltipla. Em alguns dias percorri do aeroporto, ao famoso templo do acarajé – o Rio Vermelho, à Itapoã, passando pela Lucaia, seguindo por Lauro Continuar lendo…