MAR – Museu de Arte do Rio

MAR Museu de Arte do Rio 4

Semana passada, quando o Rio de Janeiro completava 448 anos, fui convidada para a inauguração de um grande patrimônio cultural que a cidade recebeu e presenteia a população – o Museu de Arte do Rio. Propriamente e poeticamente batizado de MAR, o museu demonstra o início da grande expansão e revitalização da zona portuária do Rio. São dois prédios – um com fachada antiga, o Palacete D. João VI, onde é o museu propriamente dito, com as exposições distribuídas em oito salas em quatro andares. O outro prédio, moderno, é a Escola do Olhar, uma escola de arte. A iluminação Continuar lendo…

Inhotim – o templo da arte contemporânea a céu aberto

Inhotim 13

É difícil definir Inhotim. Uma mistura de jardim botânico com museu e galerias, este templo das artes e da natureza, ainda impressiona com o paisagismo e a arquitetura. E a gastronomia não fica pra trás, o complexo também conta com ótimos cafés e restaurantes. Este enorme espaço cultural, que precisa de dois dias para percorrer, tem um acervo rico de arte contemporânea com artistas brasileiros e estrangeiros, além de espécies botânicas de todo o Brasil. Definir em poucas palavras? É o maior centro de arte contemporânea a céu aberto do mundo. É também o maior museu a céu aberto da América Latina. Continuar lendo…

o que ver em Guayaquil, Equador

Guayaquil Equador Las Peñas casas 1

Guayaquil não tem a arquitetura de Quito ou Cuenca, mas é porta de entrada para Galápagos, serve? Então porque não passear uns dias lá antes de ver a bicharada solta nas ilhas de Darwin? Guayaquil é o centro econômico do Equador e a cidade mais populosa do país. A verdade é que a maioria dos turistas lá estão de passagem, mas isso vem mudando um pouco. Seja por um parente, por uma parada antes de Galápagos, ou por pura curiosidade, aqui está a lista de coisas pra ver em Guayaquil.   Malecón É como se fosse um calçadão elevado na Continuar lendo…

Museu Chácara do Céu – Santa Teresa, Rio de Janeiro

Museu Chácara do Céu Santa Teresa Rio de Janeiro escultura

Em um recanto no alto de Santa Teresa no Rio de Janeiro, está a casa de um colecionador de arte que se transformou em um pequeno e charmoso museu. Trata-se do Museu da Chácara do Céu. A casa foi herdada por Raymundo Castro Maya, falecido em 1968. Mas quem foi este incentivador da cultura, Castro Maya? Um empresário bem sucedido, que entre alguns negócios tinha uma fábrica de óleo de linhaça para uso industrial (da famosa marca Tigre) e outros óleos vegetais. Castro Maya também era esportista e incentivador dos esportes, pioneiro da preservação ambiental, editor de livros, colecionador de Continuar lendo…

o que você não pode deixar de ver em Berlim

DSC_0127-v2

O que você não pode deixar de ver em Berlim:   Parlamento Curiosidade: 1 mês depois que Hitler assumiu o poder, o Parlamento pegou fogo. Caiu na mídia que foram os comunistas revoltados que botaram fogo no prédio, sede do governo. Eram os primeiros sinais da propaganda da Segunda Guerra Mundial.   Portão de Bradenburgo O “arco do triunfo” alemão é a única entrada remanescente de várias para a cidade de Berlim.   A obra de Frank Gehry Fica dentro do prédio do DZ Bank, na praça do Portão de Bradenburgo, (Pariser Platz 3).   Galeria de arte Sammlung Boros Continuar lendo…

museus e galerias de arte em Berlim

DSC_0542-v2

O distrito das artes e galerias em Berlim é a Augustestrasse, mas não é só lá que tudo acontece. Aliás, a cidade respira arte, com manifestações por todos os lados, principalmente pelas ruas. Olhe pra todas as direções. Nem tudo é publicidade, cartaz ou pichação. Com vida dinâmica, várias galerias surgem em Berlim, com diferentes estilos, mas muita riqueza visual. São milhares espalhadas pela cidade. Aqui estão alguns endereços das galerias de artes (e museus) descoladas que recomendo visitar em Berlim.     KW Institute of Contemporary Art O lugar é super agradável, você entra e já dá de cara Continuar lendo…

museus e galerias de arte em Istambul

DSC_0775-v2

Arte, em Istambul, pode ser apreciada em nos locais mais variados – dentro de prédios antigos, em ruas movimentadas, em antigos galpões, galerias minimalistas. De tudo um pouco – arte turca, moderna, internacional, multidisciplinar. Aqui vão alguns dos meus endereços preferidos em Istanbul para ver e apreciar arte:   Istanbul Modern O Istanbul Modern é o museu mais proeminente de arte moderna e contemporânea da cidade, em um antigo deposito marítimo. Por isso, galerias menores vem brotando nas redondezas e a Bienal de Istambul acontece ali do lado. O museu tem uma coleção permanente contando a historia da arte moderna Continuar lendo…

Atenas – roteiro 1o dia

DSC_0160-v2

Com toda crise, Atenas continua cosmopolita, vivida, calorenta e cheia de histórias pra contar. Não podia ser diferente, o berço da civilização ocidental tem muito o que mostrar para seus sentidos e memória (será que você lembra das aulas de história?). Entre deuses, filósofos, atletas, conflitos políticos e perturbação econômica, você aprecia templos, parques, praças e praias com os gregos – um povo otimista e hedonista que sabe se divertir com todo o vigor de um verdadeiro Olimpo. Atenas é uma cidade com diversidade de cenários, apesar da maioria das pessoas só pensarem na Acrópole. A melhor forma de ver Continuar lendo…

a exposição de Louis Vuitton e Marc Jacobs em Paris

IMG_2170-v2

Está passando em Paris a exposição de Louis Vuitton e Marc Jacobs no museu Les Arts Décoratifs.   Duas personalidades com contribuições importantes para o mundo da moda. Louis Vuitton, fundador da casa homônima (em 1854) e Marc Jacobs, diretor artístico da marca desde de 1997. Dois inovadores que colaboraram para um avanço na indústria da moda, nos seus respectivos séculos. Dois criadores, cada um com sua linguagem, fazendo história a partir de códigos culturais e tendências que ajudaram a moldar este setor.   A exposição é mais um convite para análise, com alguns dados de retrospectiva, analisando a história Continuar lendo…

roteiro cultural de Salvador, Bahia

DSC_0768-v2

Salvador tem uma cultura própria, enraizada no seu passado. Não há outro lugar no Brasil que vá tão a fundo na influência dos escravos africanos. É evidente na cor da pele, na cor da comida, no batido dos timbais, na tradição do candomblé, nas oferendas no mar. No meio deste sincretismo estão atrações culturais, passando pelos locais cantados, pintados, retratados e desfrutados por Caetano, Gil, Betânia, Gal, Caymmi,  Carybé, Pierre Verger… Este é o meu roteiro cultural de Salvador para você.   MAM – Museu de Arte Moderna Arte dentro de um contexto colonial com vista para o mar, com Continuar lendo…