vida de graças

imagem: Pinterest

Ontem (e hoje) foi o feriado de Thanksgiving nos Estados Unidos. Dia ação de graças, como traduzimos. Esta quinta feira leva este nome porque depois de um ano de cultivo pobre e um inverno castigador, mãe natureza agraciou os colonos com uma farta colheita de milho. Para celebrar, eles criaram uma espécie de festival de outono como um dia de agradecimento. A festa teve muito milho, mas também outras comidas, como e peru, que é o prato principal deste jantar nos dias atuais. Thanksgiving day, o Dia de Ação de Graças, não teve fundo religioso na sua concepção. Ele foi Continuar lendo…

vida temporária

IMG_8293 v2

Sentada na sala da minha nova casa percebo como minha vida já é assustadoramente menos temporária. Esta cidade, este trabalho, esta roupa, esta rotina, este frio. Tantas vezes falei e vivi com a frase “é temporário”. Outros planos. Algo mais emocionante, algo mais animador virá. Outra vida. O temporário é um band-aid na bolha do pé, que nos faz andar uns passos a mais, uns dias a mais. Ele até nos faz sentir melhor sobre onde estamos. Afinal tem algo maior e melhor mais adiante. Algo novo a nossa espera. Ele nos faz acreditar que as marés nos levam a Continuar lendo…

Oaxaca – a verdadeira cultura e arte mexicana

o que fazer em Oaxaca arte mercados cultura México

Eu cheguei em Oaxaca entre as manifestaciones que congestionavam as ruas e o Zócalo (praça principal). Na Cidade do México as manifestações também estavam deixando o trânsito ainda mais caótico por conta da mudança de uma lei sobre a formação de professores de escolas públicas. No meio desse “occupy Oaxaca” eu queria mesmo era descobrir a arte da cidade, comer mole, e ver as cores e pimentas dos mercados. A maioria dos brasileiros (e turistas do mundo inteiro) vai para o México atrás das belas praias, seja do Golfo ou do Pacífico. O que eu tenho pra dizer é que se Continuar lendo…

Machu Picchu – mistério e misticismo

machupicchu3

“Percebo que você é muito sensível.” Disse o guia com um tom sereno. “Vejo que está admirada e triste. Somos um povo melancólico e calado, mas com coração cheio de amor. Nosso carinho sai pelas palavras. Nossas crianças riem, porque a vida delas está apenas começando. Nós, os mais velhos, já sentimos tantas coisas, e talvez por isso o sorriso vem se apagando. Mas a alegria ainda existe, lá dentro.” Machu Picchu, a cidade sagrada dos Incas, aninhada no alto da montanha, abraçada pela névoa, é um sítio arqueológico cheio de mistério e misticismo, onde tantas pessoas vão em busca Continuar lendo…

Matakauri Lodge – descanso, gastronomia e natureza em Queenstown, Nova Zelândia

Matakauri Lodge melhores hoteis da Nova Zelandia Queenstown Relais & Chateaux

Quando me aproximei do lago Wakatipu e me deparei com as águas claras beijando lentamente a areia, as gaivotas voando e casais enamorados sentados juntinhos, olhei pra trás e exclamei “já ganhou, já ganhou, já ganhou!”. Queenstown tinha chegado no topo da minha lista de cidades mais bonitas do mundo. E neste simpático e belíssimo povoado tem um refúgio de luxo há poucos minutos de carro, em uma encosta com uma vista incrível do lago e as montanhas que é nada menos que um Relais & Chateaux – o Matakauri Lodge. Com um belo design de interiores, vistas deslumbrantes de Continuar lendo…

templos com pinturas de pênis e outras lendas do Butão

Punakha templo Chimi Lhakhang pinturas de pênis lenda Butão

Nosso segundo dia no país da felicidade interna bruta, de belas paisagens e cultura cuidadosamente mantida foi entre Thimphu e Punakha. No caminho até Punakha saindo de Thimphu, paramos no Dochula Pass, que oferece uma vista panorâmica de 360 graus da cordeira do Himalaia, que seria mais apreciada se não estivesse aquela neblina densa. Este monumento é feito de 108 “chortens” construídos pela Rainha Mãe em homenagem aos soldados butaneses que morreram na luta contra os rebeldes indianos em 2003. Mas o que é um chorten? É a versão tibetana da “stupa” (ou estupa), um monumento religioso, usado para armazenar Continuar lendo…

Melbourne, onde todas as tribos se encontram em bares incomuns

o que fazer em Melbourne Australia

Cidades com bairros distintos, diferenciáveis e cheios de individualidade me atraem. É como se várias pequenas cidades se juntassem pela energia maior da urbe que as abriga. Nova York, Paris e Londres indiscutivelmente tem este aspecto multicultural, multicolorido, multiurbano. E Moulbourne também. Nas devidas proporções. Quando penso em cidades que aprecio verdadeiramente, percebo que são aquelas que têm bairros onde você pode passar um final de semana inteiro nele, explorando incansavelmente e não deixa de fazer pequenas (e grandes) descobertas aprazíveis. Sem muito glamour, apesar de ser uma cidade extremamente europeia, Melbourne me cativou pelos cafés, pequenas lojinhas criativas, arte Continuar lendo…

Bali é mesmo um paraíso?

Bali é um paraíso ainda vale a pena ir a Bali porque ir a Bali rituais cerimônias de Bali

“Se isso for Bali, vou voltar pra Tailândia.” Murmurei impaciente. Australianos embriagados se abraçavam desequilibrados, apalpavam a bunda das companheiras, o trânsito e as ruelas mal iluminadas pareciam um grande camelô e tudo aquilo me irritava. Esta não era a Bali que eu tanto ansiava. Viajávamos há 8 meses e a exaustão dos deslocamentos e planejamentos já mordiam meus calcanhares. Como Gu tem amigos que frequentam Bali e um conhecido que mora lá, deleguei os primeiros dias na ilha. Felizmente só os primeiros dias. O trânsito e os carros de janela aberta e música alta na rua principal de Kuta Continuar lendo…

hotel Amantaka – paz e charme em Luang Prabang, Laos

hotel Amantaka Luang Prabang Laos Aman Resort hotéis de luxo Laos Ásia

Eu nunca imaginei que aquele senhor simpático de cabelo grisalho, conjunto de linho elegante e voz dócil, fosse da família real do Laos. Ele me recebeu no hotel Amantaka em Luang Prabang e me levou para uma área lateral do hotel para a minha cerimônia Baci. A cerimônia ‘Sou Khouan’ ou ‘Baci’ é um ritual com influencia Brâmane onde suas almas são abençoadas e apaziguadas. Com um prato de oferendas no centro, uma espécie de xamã canta mantras e faz rezas e depois amarra cordões de algodão nos seus pulsos. Em seguida te dão uma flor enrolada em uma folha Continuar lendo…

Vietnã – caos ou paraíso?

incluir Vietnã roteiro Ásia sudeste asiático

Antes de chegar no Vietnã, me disseram que nada lá é o que parece. Enquanto não se fala em sexo fora do casamento, taxas de aborto em jovens mulheres são altíssimas. Enquanto o salário médio é de menos de 200 dólares por mês, parece que todo mundo tem celular, moto e filho. Se você faz amizade com um local, ele será extremamente gentil e generoso. Mas se alguém tem um acidente na rua, as pessoas observam ou passam reto sem ajudar. Caos e serenidade coexistem. Nas cidades, seu corpo eventualmente sucumbirá e adormecerá com o balbúrdia do trânsito e conseguirá Continuar lendo…